domingo, maio 08, 2005

Confessional

Não me agrada o lado confessional de alguns blogs. A intimidade é a intimidade e esta coisa de a dar a ver é no mínimo um gesto despudorado. Também não me agrada a ideia de que se tem que partilhar tudo com outras pessoas, sejam elas os (as) amigos, os (as) amantes ou os familiares próximos. Há coisas que me pertencem e que eu não estou disposto a partilhar. A única vantagem em dizer certas coisas aos outros é a de trazer à superfície certos fantasmas. A desvantagem, normalmente, é a de que uma percentagem de nós próprios fica refém dos outros. Um blog é basicamente um ponto na rede. Um pequeno nó. E, nesta medida, também uma afirmação da existência.