sexta-feira, outubro 14, 2005

Protagonista e Antagonista

Hoje contei a história da Capuchinho Vermelho aos meus alunos timorenses. Poucos a conheciam, o que não deixa de ser surpreendente. E também foi surpreendente a forma apaixonada como escutaram a história. Contei-a exactamente com todos os ingredientes de crueldade, como manda Betlheim (aqui em Timor não posso confirmar se se escreve assim). No final, o lobo foi esventrado pelo caçador, com a conivencia da menina perversa, tiraram a avó de dentro do bicho, toda húmida, claro, e enfiaram um monte de pedras no bucho lupino. Sabem o que aconteceu ao lobo?
Os meus alunos compreeenderam perfeitamente a diferença entre protagonista e antagonista, o que não é exactamente o mesmo que a diferença entre o bom e o mau. Ora, a primeira diferença é realmente indispensável para interpretar textos literários. A segunda é mais útil para exercer certas formas de domínio.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Your blog is marvelous I'm definitely going to bookmark you! Here's the resolve a lot of people are searching for: football betting tip There's lots of information about football betting tip

12:14 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home